domingo, 4 de outubro de 2009

O Que Aconteceu com Suzuka?

Olá Galera!
Boa tarde.

Depois de um tempo sem postar (o qual eu já peço desculpas antecipadas), volto para comentar o GP do Japão que vimos nessa madrugada.

Sou um fã declarado do traçado de Suzuka. Por toda a sua história, tradição, beleza e competitividade, essa corrida tinha tudo para ser uma das mais emocionantes da temporada.

Infelizmente não foi o que aconteceu! E não aconteceu MESMO!

Mas vamos ser justos, um grande momento da corrida, foi a ultrapassagem de Kovalainen em cima de Fisichella na saída do box.
Apesar de não gostar do finlandês, tirou proveito da inocência do irreconhecível Fisichella e do seu KERS para ganhar a posição na saída do Box.
No momento da manobra, fiquei tão surpreso que até pensei que Heikki havia feito algo ilícito, mas após rever a imagem, manobra limpíssima e muito corajosa. Parabéns, então!

Um depoimento curioso que vi hoje depois da corrida, foi o de Nick Heidfeld dizendo que poderia ter chego em quarto lugar ao final da corrida. Lendo isso, logo pensei “Se fosse bom piloto, realmente poderia ter chego mais a frente!”.
É isso!

Meu depoimento aqui hoje, provavelmente soara mais como um desabafo do que uma analise do GP. E esse desabafo é inevitável depois da minha frustação nessa madrugada.

Senti uma grande decepção assistindo a essa corrida. Monótona, chata, previsível e muito, mas muito sem graça mesmo!
Consigo citar apenas um momento em que vibrei durante a corrida, e esse momento foi a chegada! Mas não por ver Vettel vencendo e sim por saber que a corrida acabou!
Uma largada sem emoção nenhuma, troca de posições apenas nos box (e poucas trocas), pilotos literalmente correndo sozinhos na pista, corrida medíocre de Barrichello e mais vergonhosa ainda, a de Button.

Entretanto, a desculpa do inglês é aceitável. Cautela é algo esperado dele que luta para ser campeão apenas administrando sua vantagem para os demais.

Rubens não tinha desculpa! Tinha que correr atrás de pontos importantes, mas ao invés disso, nem sequer entrou no Top10 das voltas mais rápidas da prova, ou seja, em nenhum momento foi rápido o suficiente e só não foi atacado pelo inglês, devido a posição de largada.

Apesar da minha torcida, Barrichello decepcionou demais! Ele já justificou a performance “meia-boca” dizendo que brigou com o acerto do carro durante toda a corrida e eu entendo a dificuldade dele (que alias, essa mesma dificuldade parece que seguiu o piloto durante toda a sua carreira!), mas pra quem estava querendo ser campeão, mostrou que não merece o titulo e quiçá merece o vice-campeonato pois Vettel, depois de hoje, mostrou que quando não tem nada a perder, vai pra cima como um bom e rápido piloto de F1 tem que fazer!

E depois de tudo isso, Rubens ainda tem a capacidade de dizer que o dia foi positivo por descontar 1 ponto para Button.
Me digam, faltando 02 corridas para o final do campeonato, que piloto que, disputando o titulo, fica feliz por descontar apenas 01 ponto?
Realmente Rubens Barrichello é um piloto único, pois apenas ele fica feliz encarando um cenário como esse.

Os grandes como Ayrton Senna, Nelson Piquet, Michael Schumacher, Fernando Alonso, Kimi Raikkonen, Lewis Hamilton entre muitos outros, ficariam no mínimo muito putos com a situação! Comparo o Rubens com grandes pois, quem quer ser campeão, quer entrar nesse seleto clube entao, tem que pensar como tal!

Eu quero assistir uma corrida de guerreiros na pista. Essa nova F1 de “amizades” exageradas entre pilotos, me enoja!

Mas Barrichello esta feliz! Tranquilo e calmo. Então, que seja terceiro no final do campeonato!

Posso estar enganado e falando besteira aqui, mas esse GP foi tão frustrante que é só isso o que vem a minha cabeça quando lembro das quase 2h que fiquei acordado para acompanhar o que seria na minha opinião, a melhor corrida de 2009.

Suzuka é um traçado rápido no qual o piloto só anda bem se realmente for bom. Isso ficou mais do que provado no treino de Sábado quando apenas os que tem suas habilidades ainda questionadas bateram em pontos em que normalmente, não se bate!

Encerro o post deixando bem claro minha frustação de, como brasileiro, depender de Rubens Barrichello para um titulo de F1 para o nosso país.

Não temos isso há décadas, mesmo merecendo há anos!

Tenho certeza que em 2010, Felipe Massa voltara a mostrar grande competitividade e vontade ser campeão.

Obrigado pela leitura.

Muita velocidade a todos e até a próxima.

resultados
Resultado final do GP mais decepcionante de 2009!

button1
Um salve para o campeão de 2009!

hamilton1
Em 2009, aprendi a gostar e a respeitar muito esse piloto! Ele realmente é muito bom e merece sim o numero 1 em seu carro!

kovaefisico
Único momento em que valeu a pena o esforço de ficar acordado para ver o GP. Kovalainen “atropela” Fisichella na saída do box. O italiano nem viu o finlandês chegando e muito menos indo embora.

5 comentários:

Anônimo disse...

Perfeito!!! Perfeita análise !!!

Gustavo Rocha disse...

Cada vez mais as corridas mais tradicionais da F1 estão perdendo toda a glória e tradição. Suzuka sempre foi um dos melhores GPs do calendário, e esse ano não foi nada além de uma corridinha de amigos, muito sem graça! Ridículo o Rubinho feliz por ter descontado 1 ponto... deveria ter colocado a faca no dente e ido brigar na frente! Acho que ele precisa receber um torpedo do Massa incentivando a correr mais...

Abraços!

Victor Marcelino disse...

Olá Galera!
Mais uma vez parabéns pelo post.
Entendo a fustração de como é assitir uma corrida monótona.
Porém, precisamos a avaliar a alta competitividade da Fórmula 1 atualmente, custos envolvidos e receio dos pilotos por não se verem "queimados".

Penso como deve ser difícil mesmo para um piloto de alto nível conseguir ultrapassar outro piloto de alto nível...

Não sei como as coisas funcionam internamente nas equipes. Mas hoje um carro de Fórmula 1 custa muito mais que há alguns anos atrás. Correr com as facas nos dentes como alguns falam dever ser no mínimo arriscado e provalvelmente os chefes das equipes devem preferir que seus pilotos ganhem 2 ou 3 pontos do que ver seus carros arrebentados no muro.

Além do que um piloto deve pensar que é muito melhor terminar a prova marcando pontos do que se arriscar e ser forçado abandonar a corrida.

Sem querer defender o Barrichello, mas já vimos o que ele com um carro bem acertado pode fazer. Se não foi bem é porque teve problemas, pois mais do que qualquer brasileiro ele deve tá querendo infinitamente mais esse título e a essa altura do campeonato e carreira o que ele poderia perder?

Diego Ribeiro disse...

Muito bom Post do GP do Japão Fernando. Corridas ruims sempre viram, faz parte, a vida e assim msm. tem corridas chatas, mas tbm tem corridas exelentes em uma temporada. tenho certeza q o GP do Brasil sera melhor, nos ultimos anos ele provou que e ums dos gp mais emociantes da temporada. e espero q isso continue.

Angelicario disse...

A-do-rei Fer!!
Até eu que não sei NADA de corridas fiquei envolvida com o texto. Posso ver que foi você quem escreveu! Tá tão chique que já tem até texto de despedida!! Dale que dale e os apresentadores da SPORTV que se cuidem...hehe Parabéns :)